Você consegue ver amor em todos os lugares? Ou você sente amor e prazer apenas quando está com certas pessoas, visitando lugares e experimentando coisas específicas e o mesmo não acontece em outras situações?

Essa parece ser a experiência de todo mundo na vida, pelo menos no início.

Mas precisamos notar que há um engano com esse modo de classificar o mundo. Imagine, por um momento, que você se sente pleno e completo. Não lhe falta nada e você sente o amor fluindo de você para o mundo. Você experimentaria alegria com todos que encontrasse e não apenas os poucos especiais. Você seria feliz não importando para onde fosse, independente das condições ou do local.

Como você se conecta a essa experiência?

Decida, finalmente, que como você vê os outros é como você vê a si mesmo.

Se você não tem uma experiência maravilhosa com todos que encontra, então você tem uma opinião mista sobre si mesmo.

Você se vê como amoroso e não amoroso ao mesmo tempo.

Essa crença não é verdadeira e lhe causa dor.

Então, dê a si mesmo um descanso e deixe que todos o lembrem de quem você realmente é.

Qualquer um pode trazer o amor à sua vida porque todos são seres amorosos.

Isso não é maravilhoso?

JAMES KELLY – Criador do Jogo Miracle Choice

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *