É possível, na busca do autoconhecimento, praticar um exercício muito especial que irá lhe ajudar em seu desenvolvimento. A proposta é que diante das situações de conflito e circunstâncias vividas, você atue apenas como uma testemunha das cenas que se desenrolam em sua vida. Esse é o exercício da auto-observação.

Imagine se você conseguisse em uma situação de conflito com uma pessoa querida, separar o que você pensa e sente a respeito do conflito e pudesse simplesmente olhar para o que está acontecendo sem sofrer.

Olhar como um espectador.

Se essa observação fosse possível a todo momento, você não seria uma vítima das circunstâncias. Ao invés disso, manteria a serenidade para agir de maneira a responder a situação e não a reagir. Isso evitaria muito sofrimento.

Ok, você pode estar se perguntando: mas como praticar esse exercício de autoconhecimento?

Uma maneira muito útil na nossa jornada do despertar é a utilização de filmes comentados. Eles nos ajudam a entrar em contato com os nossos pensamentos e crenças de uma maneira desapegada. Apesar de nos envolvermos com o roteiro de um filme, existe um distanciamento, pois sabemos se tratar de uma ficção, uma ilusão. Isso faz com que consigamos observar, de maneira lúdica, as manifestações comportamentais quando colocamos esse propósito ao ato de assistir a um filme.
A forma ilustrativa do filme promove muitos momentos de “grandes sacadas”, pois conseguimos flagrar nossas emoções e o que pensamos a respeito das situações enquanto as cenas do filme se desenrolam.

Uma dica para aperfeiçoar esse exercício é conhecer o livro Perdão Quântico de David Hoffmeister , o autor oferece uma experiência espetacular de conhecer a si mesmo, usando uma forma guiada para assistir filmes que foi customizada especificamente para o despertar. Nesse livro, David comenta seis filmes de uma maneira muito profunda e baseada nos ensinamentos de Um Curso em Milagres.
Então, podemos usar o entretenimento como meio para conhecer os nossos próprios pensamentos e ainda para compreender os ensinamentos metafísicos. Dessa maneira, é possível usar uma abordagem despreocupada do processo do autoconhecimento.

O jogo Miracle Choice também é uma ferramenta incrível para que consigamos acessar nossos pensamentos e sentimentos em situações cotidianas e uma oportunidade a dar esse passo para trás, tão essencial no processo de autoconhecimento. Ele é um convite ao jogador para observar suas escolhas de maneira segura, pois promove a reflexão e insights sem que este precise passar pelo sofrimento muitas vezes percebido nas situações em si.

O caminho do autoconhecimento e despertar não precisa ser rígido. Por isso, seja qual for a ferramenta escolhida, o jogo, um filme comentado, um final de semana de imersão, precisamos nos lembrar de nos divertir nesse processo.

Afinal, ao fazermos isso, podemos nos lembrar que a vida não é para ser dolorosa e sim uma manifestação alegre de nosso Ser real e despertamos de nossas escolhas pelo medo para a escolha do Amor.

JULIANA KUROKAWA – Facilitadora Certificada Miracle Choice

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *