Bem-vindo medo!
por Cátia Vasconcelos


Na noite passada eu não conseguia pegar no sono. Pensava, pensava e pensava em tudo que preciso fazer e preparar antes de sair de férias daqui a alguns dias. Meus pensamentos, com listas de tarefas que eu mesma determinei como “imprescindíveis”, pareciam carros de fórmula um correndo desnorteados pela minha mente. E o que é pior, acabavam trombando um no outro ou descarrilhando por algum abismo.

E eu cansada, querendo dormir, mas acordada pela ansiedade de imaginar não conseguir fazer tudo o que acredito ter que finalizar nos próximos dias e pela frustação de estar rolando na cama há mais de uma hora.

Que loucura! Mas por que tudo isso?

Depois de um bom tempo de sofrimento, lembrei da escolha! Eu estava escolhendo viver o drama de uma projeção no futuro, me identificar com todas essas ideias e ansiedades que eu havia criado na minha cabeça. Porque a realidade daquele momento era muito diferente e tranquila: eu estava deitada na minha cama quentinha e confortável, no meu quarto gostoso, ao lado do meu companheiro de vida, na paz do silêncio da noite. Tudo perfeito.

Ok, reconheci que havia mergulhado nas ansiedades, mas depois de um tempo ainda me sentia inquieta e não conseguia pegar no sono. Por quê?

Ahá! Eu estava tentando sair correndo daquele mar de preocupações, não queria mais nenhum daqueles pensamentos, apenas uma mente totalmente quieta e meu desejado descanso. Mas aí é que está, são dois extremos.

Então, finalmente, me dei conta de que eu não estava dando a atenção devida ao medo e era isso que estava criando todo aquele bafafá na minha mente. Mas como assim? Bom, lembrei que, quanto mais eu resisto, mais força dou a ele, apesar de ele ser minha própria criação. Que tal convidá-lo a entrar, sentar, tomar um chazinho? Eu sei que o medo não é real, mas tenho que lembrar que permiti que ele fosse durante um tempo. Portanto, sigo na brincadeira, mas de outra maneira. Ao invés de ele ser o monstro nesse faz de conta, decido que ele é uma criança desamparada que quer colo. Me imagino sentada numa cadeira de balanço e o acolho com amor e ternura. Conto uma história bonita e, quando percebo, a criança pegou no sono e tem um breve sorriso nos lábios e a fronte relaxada.

E eu? Devo ter pegado no sono também, pois quando me dou conta, acordo e já é de manhã! O sol brilha lindo e eu dormi feliz.

CÁTIA VASCONCELOS – Master Trainer Miracle Choice.


Últimas Notícias
Acompanhe o Miracle Choice. Confira as principais informações.


A Facilitadora Claudia Vaciloto foi convidada a apresentar o Jogo Miracle Choice no Sarau Filosófico, organizado por Edelaine Gomes da Luz, da semana passada.
Gratidão pela noite linda, pessoas maravilhosas e troca mágica.
O Miracle Choice Brasil está tomando novo formato e logo logo teremos novidades muito gostosas
para compartilhar com você aqui. O processo de criação está sendo rico e intenso e, sem dúvida,
uma maravilhosa oportunidade para novas escolhas.
Só pode sair coisa boa disso 🙂
Fique ligado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *